music_note
  • ¡HAZ TU PROGRAMA!
  • ¿QUÉ HACEMOS POR TI?
  • CONTACTO

ACTUALIDADE EM PORTUGAL

A Casa Manjapão leva-lhe comida familiar a casa

todayfebrero 24, 2021 6

Fondo
share close

Quando Pedro Abril e Margarida Roseiro imaginaram começar um projecto a dois, o nome foi desde logo uma certeza. “Se tivéssemos uma taberna queríamos que se chamasse Manjapão”, começa por dizer o chef. Neste caso, não vão abrir uma taberna, mas sim um serviço de entrega de comida ao domicílio. O nome é fácil de adivinhar: Casa Manjapão. A intenção do projecto é igualmente simples. Servir “comida de aconchego”, com doses para toda a família. O primeiro prato no cardápio virtual é um arroz de forno de leitão com salada de laranja e agrião (40€), que pode encomendar a partir desta quarta-feira.

Com o Chapitô à Mesa encerrado temporariamente, Pedro tem trabalhado no seu Shogun, outro projecto de entregas ao domicílio de comida asiática, que vai desde os ramens ao arroz frito. “Tenho feito só noodles e [a Casa Manjapão] é um escape”, conta. A ideia de começar a entregar comida ao público neste formato familiar surgiu há pouco tempo. Margarida ficou responsável pela logística, pelas ilustrações nas instruções que ajudam a terminar o prato em casa; Pedro trata de tudo na cozinha.

Casa Manjapão
Casa ManjapãoÉ necessária uma simples finalização em casa

“Não é que tenhamos uma linha fechada, mas trata-se de comida mais simples”. O primeiro menu anunciado é prova disso. Mais para a frente, adianta o chef, continuarão a explorar diferentes arrozes, cachaços, bo buns coreanos ou tacos, por exemplo. A primeira sugestão foi a ceia de Natal da família – depois disso, depressa surgiram mensagens nas redes sociais a questionar quando faria entregas da iguaria.

Apesar de o arroz de forno ter de ser finalizado em casa, o processo é bastante simples, assegura o chef. “Abro o arroz a 80% e depois de ter o caldo frio misturo e fecho a vácuo”. A perna é deixada a cozinhar lentamente durante quatro horas e depois é também selada hermeticamente. Em casa, basta pôr no forno durante 20 minutos, a 180º. “O suficiente para o leitão ficar com uma pele crocante e o arroz ficar tostado”, descreve o chef.

As sobremesas, nesta primeira entrega um pudim de pão (18€/1Kg), também são sempre em doses generosas. “A ideia é mesmo ser familiar. As doses são para dois e as sobremesas também são inteiras”. Pedro e Margarida querem servir comida que cozinham em casa. As encomendas podem ser feitas de quarta-feira até sexta-feira ou sábado e as entregas (3€ em Lisboa ou 5€ em Oeiras, Cascais, Odivelas, Amadora e Sintra) são feitas à segunda-feira. Às quartas-feiras, continua a ser dia de ramen do Shogun.

+ Restaurantes: a luta pela sobrevivência

+ Os novos chefs da gastronomia lisboeta

Escrito por Comunicación Cultural

Rate it

Artículo anterior

ACTUALIDAD

Canadá ofrece dinero a recién egresados para que vivan y trabajen en su país

Hay que tomar nota de esta excelente oportunidad: Canadá ofrece dinero a recién egresados para que vivan y trabajen en su país. Esta nación prefiere tener gente dispuesta a emprender e iniciar su vida profesional. EL PROGRAMA SE LLAMA “GRADUATE RETENTION PROGRAM APPLICATION”   Una iniciativa que intenta captar jóvenes talentos con títulos universitarios. Específicamente, se solicita personal en la ciudad de Saskatchewan, al sur de Canadá. Se oferta un pago de […]

todayfebrero 23, 2021


Portuguese PT Spanish ES
0%