music_note
  • ¡HAZ TU PROGRAMA!
  • ¿QUÉ HACEMOS POR TI?
  • CONTACTO

ACTUALIDADE EM PORTUGAL

Mural de Vhils assinala o arranque da nova associação “Chelas É O Sítio”

todaymayo 6, 2021 11

Fondo
share close

O novo mural de Vhils, na rotunda da Rua Salgueiro Maia, representa o lançamento da primeira pedra da Chelas é o Sítio, uma associação sem fins lucrativos que quer puxar pelo potencial deste bairro lisboeta. Foi fundada por moradores, mas está aberta a todos os que queiram visitar e também apostar nesta zona da cidade.

O grande objectivo é valorizar esta que é uma das maiores áreas de Lisboa através do desporto, educação, cultura e sustentabilidade, quebrando barreiras com a restante freguesia e até cidade de Lisboa. “Uma das missões é unificar ainda mais com base no trabalho conjunto da freguesia como um todo, Chelas é o Sítio não se pretende focar apenas em Chelas. A associação é constituída por habitantes e nativos do bairro que pretendem trazer mais valor, mais união e mais inclusão para a freguesia”, explica a associação, que já conta com alguns parceiros. Entre eles, a Câmara Municipal de Lisboa, a Junta de Freguesia de Marvila e “um considerável conjunto de parceiros”, de associações sociais e comerciais a parceiros ligados à cultura.

associação de chelas
©Pedro Vaccaro

Sam The Kid tem tido um papel activo na promoção e defesa de Chelas, acabando por ser ele a presidir a este colectivo que inclui nomes como Nuno Varela (Hip Hop Sou Eu), Adriano Finuras (Associação Torre Laranja), Ricardo Gomes (Masterfoot) e Zé Silva (Chelas Cuts). O colectivo Chelas é o Sítio irá actuar em várias áreas, propondo o desporto inclusivo, mais educação e ciências nas escolas através da organização de workshops, promovendo a cultura e a sustentabilidade e intervindo no espaço público, onde querem ver mais espaços verdes e equipamentos urbanos.

Chelas é o Sítio, mural Vhils, rua Salgueiro maia, chelas, Marvila
©DR

“É uma grande honra juntar-me, juntamente com o Atsok, à Chelas é o Sítio, uma associação inclusiva e sem fins lucrativos feita por habitantes e nativos de Chelas, que tem como objetivo criar valor, unidade e inclusão no bairro”, diz Vhils num comunicado onde também destaca o desenho do tag pela crew Midnight Madness.

+ Leia a edição desta semana: Circuito aberto

+ MURO une a arte urbana e as pessoas em edição maior no Parque das Nações

Escrito por Comunicación Cultural

Rate it

Artículo anterior

ACTUALIDAD

Hong Kong pone fin a su recesión más larga en décadas

La economía de Hong Kong volvió a crecer en el primer trimestre del año, según cifras oficiales, poniendo fin al periodo de recesión más largo de la historia moderna de la ciudad. El centro financiero internacional se ha visto afectado en los últimos 18 meses por el triple efecto de la guerra comercial entre Estados Unidos y China, el malestar social y la pandemia de coronavirus. El territorio registró seis […]

todaymayo 6, 2021 1


Portuguese PT Spanish ES
0%