music_note
  • ¡HAZ TU PROGRAMA!
  • ¿QUÉ HACEMOS POR TI?
  • CONTACTO

ACTUALIDADE EM PORTUGAL

Selim: o banco de bicicletas mudou-se para São Bento

todayoctubre 2, 2021 7

Fondo
share close

Selim: o banco de bicicletas mudou-se para São Bento

O número 246 da Rua de São Bento é agora a sede do Selim, o banco de bicicletas que, desde Setembro de 2020, recolhe, recupera e distribui velocípedes pela cidade. O projecto é da Cicloda — Associação Oficina da Ciclomobilidade e esteve, durante o último ano, sediado no Mercado de Arroios.

Com o crescimento veio uma nova fase: uma oficina dedicada em exclusivo às reparações dos exemplares mais danificados, onde qualquer cidadão ou empresa pode efectuar doações e os candidatos aprovados podem levantar a tão esperada bicicleta. É lá que trabalha Gennaro Giacalone, o mecânico de serviço. Nem todas precisam de conserto, nem as portas abrem ao público todos os dias. É que para reparar é preciso uma boa dose de concentração. 

Selim banco de bicicletas
Gabriell Vieira

 

“Estávamos com alguns problemas logísticos no espaço anterior. Sem o apoio da Junta de Freguesia de Arroios nunca tínhamos conseguido arrancar, mas não conseguimos adaptar o espaço do mercado às necessidades de uma loja e oficina de bicicletas”, resume. Agora, o Selim veio parar a uma antiga farmácia. O prédio é camarário e a renda simbólica. 

Os números atestam o sucesso deste sistema de empréstimo de longa duração. Já foram recolhidas 310 bicicletas e entregues à volta de 230 para responder a um total de mais de mil pedidos. Motivado pela pandemia, o projecto nasceu de uma necessidade partilhada por muitos: circular de forma segura e autónoma na cidade. “A bicicleta é, muitas vezes, entendida como um objecto de igualdade social, mas não é bem assim. Quem não tem condições para ter uma acaba por ser excluído”.

As candidaturas têm sido concorridas. Pessoas que pedem uma bicicleta para se deslocarem entre a casa e o trabalho ou a escola e aos casos em que o velocípede seja essencial para trabalhar ou procurar emprego. Mediante as características do modelo, pelo aluguer pode ser cobrado um valor entre os 10€ e os 30€. Metade do valor funciona como caução e será devolvida no acto da devolução da bicicleta. A candidatura pode ser submetida online.

Mas como em qualquer banco, o capital que sai também tem de entrar. Além de recolher as bicicletas que já ninguém quer, o Selim também aceita doações na nova loja. O crescimento do Selim passa agora por duas vertentes: tentar aumentar o número de bicicletas doadas e conseguir que cada vez mais exemplares possam ser reparados de forma a voltarem à estrada. As que não têm remédio também são aproveitadas. Em paralelo, existe um outro projecto que garante o upcycling de muitas das componentes deste velocípede. Daí já nasceram bancos, suportes para vasos e acessórios de moda.

Rua de São Bento, 246. 21 151 5527. Ter 13.30-16.00 e Qui 17.00-20.00

+ Ciclovias em Lisboa. Só precisa de pedalada para percorrer a cidade

Escrito por Comunicación Cultural

Rate it

Artículo anterior

ACTUALIDADE EM PORTUGAL

Vincent Farges integra equipa de chefs do Time Out Market

Nasceu em França, mas vive em Portugal há quase 20 anos. Durante mais de 10 anos liderou a cozinha do Fortaleza do Guincho, onde manteve a estrela Michelin que o restaurante conquistou em 2001, e em 2018 abriu o Epur no Chiado, que conquistou uma estrela Michelin em apenas um ano. É conhecido por fazer uma cozinha simples, baseada em produtos sazonais de qualidade, onde o sabor é o principal ingrediente. […]

todayoctubre 1, 2021 7


Portuguese PT Spanish ES
0%